domingo, 7 de março de 2010

Anpof

Estou elaborando um resumo para o encontro da Anpof. Fui um entusiasta dos encontros da anpof por muito tempo. Minha primeira participação se deu em 1996 ou 1998. Naqueles tempos, a Anpof se notabilizava por romances passageiros, bebedeiras de medalhões filosóficos e outras esquisitices. Os encontros são mais civilizados hoje. A atmosfera intelectual também. A maior parte das apresentações é de gente nova que encontra ali a primeira oportunidade de testar nervos e argumentos. Esse ano não estou muito empolgado. Acho que sei a razão: os encontros da Anpof desempenharam uma importante função no fortalecimento social e inter-institucional da filosofia brasileira. Hoje essa função não parece mais tão relevante. Talvez esteja chegando a hora de fortalecer ou criar uma tradição de estudo e debate filosófico puxado por associações menores como as sociedades de filosofia analítica e fenomenologia que nasceram nos últimos anos.